Book_Ieum_01

Com um cartão único, as pessoas terão acesso ao acervo e a empréstimo de livros de mais de 295 bibliotecas públicas em toda a Coreia. Conforme anunciado hoje (22/12) pelo Ministério da Cultura, do Esporte e Turismo, o Library One Card, ou Chaekieum poderá ser usado em todo o país a partir de Janeiro de 2015.

O Ministério selecionou o nome Chaekieum (책이음), entre muitas opções apresentadas durante um concurso para a marca. Além disso, usando o mesmo logotipo, produziu manuais do projeto que explicam como se tornar um sócio do cartão. Os guias foram distribuídos para bibliotecas públicas no dia 2 de dezembro.

O nome foi desenvolvido a partir a palavras, que significa “livro”, e 이음que significa “conexão”, formando o conceito “comunicar e conectar com os outros através de livros.”

AS 295 bibliotecas públicas são dirigidas por oito governos locais e se filiaram a açãoAnteriormente, os frequentadores das bibliotecas (até agora estimados em 1,3milhões) utilizavam um cartão de acesso semelhante, mas com um nome diferente, para cada centroAgora, os cartões emitidos no início do próximo ano terão o mesmo nome. Os leitores que quiserem, poderão continuar a usar seus cartões antigos, não sendo necessário obter um novo cartão.
“Pretendemos aumentar o número de bibliotecas públicas na área da capital, incluindo Seul, no próximo ano, como parte dos esforços para oferecer mais conveniências e mais serviços para os amantes do livro”, além disso, “vamos desenvolver um aplicativo para smartphones também, permitindo que transfiram dados do cartão para o celular, sendo capaz até de recomendar livros populares” disse um funcionário do Ministério da Cultura.
Fonte: Korea.net

avatar
About Barbara Brisa

Editora de conteúdo (Brasília) - Socióloga e pesquisadora sobre cultura e tradição coreana.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *