KBaB

Divulgação KBaB – Facebook

Localizado no centro de Fortaleza, o Restaurante KBaB alia a culinária coreana à alimentação saudável e agrada clientela local e estrangeira.

Chefiado por Hyun Woo Sung, popularmente conhecido como Branco Sung, o Restaurante coreano KBaB já se consolidou como referência de culinária coreana no centro de Fortaleza. Confira a entrevista realizada pelo BrazilKorea.

Brazilkorea: De Hyun Woo Sung para Branco Sung, como surgiu esse nome?
KBaB – Branco Sung: Quando estava em Nova York meus amigos mexicanos costumavam me chamar de “Blanco” e desde então esse é meu nome para os latino-americanos. Alguns dizem que eu deveria mudar para moreno, porque agora estou com a pele bronzeada de tanto ir a praia.

Brazilkorea: Onde você nasceu e há quanto tempo mora no Brasil?
KBaB – Branco Sung: Sou natural de Busan, uma cidade grande ao sul da Coreia do sul, conhecida pelo porto comercial e pela praia de Haeundae.

Brazilkorea: Como e quando decidiu morar no Brasil e quando o Ceará entra nesse percurso?
KBaB – Branco Sung: Inicialmente eu vim para o Brasil, especialmente para o Ceará, para trabalhar no projeto da siderúrgica do Pecém. Com o tempo passei a gostar muito do povo cearense, das praias e festas daqui. Antes de morar em Fortaleza, trabalhei viajando por vários países. Nessas viagens, sempre surgia a vontade de abrir uma pousada ou restaurante coreano em outro país, pois tinha o interesse de me encontrar com pessoas estrangeiras e me comunicar com elas através da comida e da hospitalidade coreana. Após finalizar meus trabalhos na siderúrgica, finalmente tive a oportunidade de abrir o KBaB, que fica localizado na área turística da Beira-mar, e então decidi ficar aqui com meu próprio negócio.
Estou muito satisfeito com minha vida aqui. Apesar de gostar do estilo de vida de cidades grandes como Nova York e Xangai, o conforto de vida em Fortaleza, a simpatia das pessoas, o bom clima e as lindas praias me cativaram, mas ainda não decidi me fixar aqui permanentemente. A decisão vai depender de como o restaurante se encaminhará daqui pra frente e da minha vontade de ficar, pois há muitos lugares que gostaria de morar ainda.

Brazilkorea: A Coreia do Sul tem ganhado cada vez mais espaço e conhecimento entre os brasileiros, não só através da música, mas também de sua culinária, literatura e etc. Como você vê esta relação?
KBaB – Branco Sung: Como coreano sou grato por isso. Não sabia que tantos brasileiros apreciavam a cultura coreana, até abrir o Restaurante KBaB. A maioria deles conhece somente a musica, por meio do K-POP e dos Dramas. Mas alguns tem interesse por outras partes da cultura coreana como sua educação, tecnologia, cidades desenvolvidas na Coreia, geografia, culinária etc. Quando encontro clientes que me perguntam sobre a Cultura Coreana, eu sempre sinto muito prazer, pois é muito bom quando alguém tem interesse pelo meu país.

Brazilkorea: Conte-nos a respeito do Restaurante KBaB e como tem sido a receptividade dos cearenses em relação a comida coreana?
KBaB – Branco Sung: A inauguração do Restaurante KBaB aconteceu no dia 16 de Fevereiro de 2015. Nós sempre buscamos preparar de coração a melhor comida para os nossos clientes e a maioria gosta de nossa comida. Além disso, grande parte dos cearenses já tem familiaridade com alguma comida asiática, como por exemplo a japonesa.

Brazilkorea: Como surgiu a ideia da decoração do KBaB? 
KBaB – Branco Sung: Queremos nos comunicar com os clientes de todo mundo e a todos os brasileiros através de nossa comida, e por isso utilizamos na decoração elementos como o mapa do mundo e os murais com nomes brasileiros traduzidos para a língua coreana e fotos dos clientes no KBaB.

Divulgação KBaB - Facebook

Divulgação KBaB – Facebook

Brazilkorea: Quais os principais ingredientes e pratos da culinária coreana que são servidos no KBaB?
KBaB – Branco Sung: Os principais ingredientes utilizados são o arroz japonês (semelhante ao arroz coreano), as verduras que dão cor aos pratos, a carne de porco e a carne bovina, frango, frutos do mar e também os tradicionais molhos coreanos e o óleo de gergelim. Quanto ao menu, dispomos de vários pratos coreanos, entre eles o Bibimbab e o Japchae, que são os mais populares entre os cearenses.

BrazilKorea: Você poderia falar mais sobre os sucos feitos em pressão? Como é feito e qual a diferença para o processo comum de fazer sucos?
KBaB – Branco Sung: Nós fazemos os sucos prensados com uma máquina originalmente coreana chamada Hurom, popular por sua tecnologia de preservação dos nutrientes e do sabor das frutas, legumes e vegetais através do seu sistema de prensagem lenta a frio. Além disso, o suco não leva açúcar, água ou quaisquer outros aditivos.

Brazilkorea: Para você, qual a importância da culinária para a cultura coreana?
KBaB – Branco Sung: Por causa da popularização da comida saudável, o interesse pela comida coreana tem expandido por todo o mundo. A culinária se tornou uma parte muito grande da cultura e isso foi possível através da Onda Hallyu, que permitiu introduzir a culinária coreana internacionalmente. Além disso, o governo coreano também tem tentado promover a culinária sul coreana em países estrangeiros por muitos anos fazendo eventos gastronômicos como por exemplo, iniciativas como a da Embaixada da República da Coreia no Brasil, que desenvolveu um espaço coreano no Festival Sana e desde 2015, tem convidado o Restaurante KBaB para fazer degustação de comida coreana.
A recepção não poderia ser melhor, muitas pessoas que tiveram a oportunidade de provar nossa comida, gostaram da culinária diferenciada e fico muito feliz por ser um representante da culinária coreana, que é um elemento muito importante da cultura de meu país.

SERVIÇO
Restaurante KBaB – Korean Kitchen and Healthy Life
Endereço: Avenida Desembargador Moreira 90, Loja 88 – Fortaleza (Ceará)
Horário de funcionamento: Segunda a Sábado de 12-22h
Telefone: (85) 3085-1760

Acompanhe o Restaurante KBaB no Facebook, Instagram e no Trid Advisor.

Agradecimento: Branco Sung

avatar
About Barbara Brisa

Editora de conteúdo (Brasília) - Socióloga e pesquisadora sobre cultura e tradição coreana.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *