memorial day

http://blog.korea.net/

O Memorial Day sul coreano (현충일) comemorado no dia 6 de junho, é um feriado nacional, que rememora e homenageia ex combatentes da Guerra na Coreia.

No Memorial Day homenageia-se ex combatentes que faleceram servindo ao país, tanto nativos como também soldados estrangeiros. Este dia também é recheado de rituais culturais. Às 10 horas da manhã, uma sirene toca em todo o país, e as pessoas fazem orações silenciosas por 10 minutos. Além disso, a bandeira da Coreia do Sul é hasteada a meio mastro. Algumas famílias levam também como oferta a seus entes, bebidas tradicionais, bolo de arroz e maçãs. A maior cerimônia do Memorial Day acontece (desde 1956) no Cemitério Nacional de Seul, e homenageia soldados da ONU de 16 países que foram mortos em combate durante a guerra entre 1950-1953.

Outro local que recebe grande visitação durante o Memorial Day é o War Memorial of Korea (Memorial da Guerra – 전쟁 기념관) em Seul, considerado o mais rico e completo sobre o tema. Inaugurado em 1994, o museu exibe mais de 13.000 itens em seis andares de galerias. Além de apresentar uma vasta coleção que narra a guerra coreana, há ainda exposições de obras de conflitos contra o mongóis, chineses, japoneses e invasores franceses. Na área externa, há mais de 100 caças de prontidão, tanques e baterias de artilharia de batalhas mais recentes  em exibição. Mas a obra mais popular do memorial é a Statue of Brothers (Estátua dos Irmãos), escultura de 18 por 11 metros, e simboliza o encontro de dois irmãos – um representando o Sul e outro o Norte – em um campo de batalha, e busca expressar a sua reconciliação, o amor e o perdão, e a reunificação das Coreias.

www.flickr.com

www.flickr.com

Além disso, como parte das comemorações oficiais do Memorial Day, o governo sul coreano promove uma cerimonia oficial com a presença de autoridades.

Fonte: Blog Korea | Discovering Korea | Korea Times

avatar
About Jessica

Editora Chefe (Belo Horizonte - MG) Jornalista por formação e comunicóloga por vocação. Tão apaixonada pela cultura coreana, que fala e escreve sobre ela o tempo todo. Trabalha a finco para quebrar os pré conceitos que se existe em relação a Coreia.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *